A programação 2022/2023 é a primeira de um novo ciclo quadrienal de trabalho. Este ciclo, a que chamamos TEMPO DE…, deixa propositadamente em aberto um espaço para irmos completando com as várias formas que experimentamos discutir o mundo e a profunda necessidade de mudança que todos sentimos urgente. Inspiraram-nos os escritos de Walter Benjamin, dos anos 30 do século passado nas suas teses sobre a história, quando persegue a ideia de que existem momentos de grande compressão do espaço/tempo, onde o tempo cronológico se suspende e uma brecha histórica se impõem. São disso exemplo a Revolução Francesa, a Revolução Socialista, o advento da bomba atómica, a Revolução do 25 de Abril (achamos nós). São tempos que definem mudanças profundas do ponto de vista histórico e social.
Atualmente, as forças ultraconservadoras que ocupam cada vez mais o imaginário e quotidiano das populações têm acelerado a ideia do fim do mundo. Fim do mundo tal como o conhecemos, fim do Estado de Direito, das instituições, dos direitos e deveres.
TEMPO DE…provocará o Teatrão a trabalhar ainda mais perto dos públicos, dos artistas e dos parceiros, testando formas de relação e produção menos efémeras e mais profundas. Procuraremos refletir e discutir sobre as alternativas a construir e o papel decisivo da arte na invenção de um imaginário alternativo. Teremos as nossas produções, os nossos projetos e acolhimentos a pôr o dedo na ferida do tempo presente, a aventurar-se por caminhos de risco e aventura e enchemo-nos de fibra e de esperança porque nos alimentamos de públicos, de pessoas, das suas histórias e sonhos.

 
 

Destaques Setembro